Anúncio

Conab auxilia cerca de 8 mil pequenos criadores com venda de milho

Ao longo do ano passado, foram realizados aproximadamente 47 mil atendimentos

Cerca de 8 mil criadores de pequeno porte foram atendidos em 2023 pelo Programa de Venda em Balcão (ProVB), operacionalizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Ao longo do ano passado, foram realizados aproximadamente 47 mil atendimentos (notas emitidas), o que traduz na comercialização de 66 mil toneladas de milho. 

“Com isso, o ProVB facilitou o acesso dos criadores de pequeno porte ao principal insumo para alimentação animal, promovendo a inclusão social e a geração de renda e empregos para os produtores que exercem suas atividades em todas as regiões brasileiras”, explica o diretor de Operações e Abastecimento da Conab, Thiago dos Santos.

Para facilitar o acesso dos criadores ao milho, a Companhia trouxe algumas inovações a partir da implementação do pagamento digital do produto. Nesta situação, as guias já são geradas via sistema digital, o que permite o pagamento em qualquer instituição bancária. Além disso, também passou a ser possível que o pagamento seja realizado via Pix, viabilizando a confirmação do crédito em tempo real. 

O limite de compra do ProVB é de até 27 toneladas por mês, para cada produtor, de acordo com o rebanho. No entanto, o perfil dos criadores atendidos, conforme verificado no balanço da estatal, indica que mais da metade deles adquire menos de 1 tonelada de milho mensalmente.

2024 – A Portaria Interministerial MAPA/MDA/MF n.º 14, de 2 de janeiro de 2024, publicada no último dia (05), estabelece para 2024 o volume de até 50.000 toneladas de compra de milho a granel ou ensacado para atender o ProVB e autoriza o limite de até R$105 milhões para a equalização de preços na venda do milho no âmbito do referido. Para saber mais detalhes da Portaria, clique aqui.

O Programa de Venda em Balcão viabiliza o acesso de pequenos produtores aos estoques públicos de milho em grãos, com a venda direta, nos armazéns da Companhia, para uso na ração animal, a preços compatíveis com os do mercado atacadista local.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por categoria