Anúncio

Polícia Civil pede a prisão de três acusados de liderar esquema em emissora de TV baiana

Polícia Civil indiciou 12 pessoas em investigação de esquema; delegado Charles Leão comandou investigação

A Polícia Civil por meio do Departamento Especializado de Investigações Criminais (DEIC), informou em nota ao BNews que concluiu o inquérito que apurou desvios de doações por meio de transferências via PIX, as quais atenderiam necessidades de pessoas em situação de vulnerabilidade social na Record TV Itapoan.

Segundo a polícia, “o procedimento foi encaminhado para o Poder Judiciário em dezembro de 2023, com o indiciamento de 12 pessoas por crimes de associação criminosa, estelionato e lavagem de dinheiro”.

Na mesma oportunidade também foram solicitadas as prisões de três acusados de liderar o esquema criminoso. Não foram divulgados os nomes dos envolvidos.

“No curso das investigações, que consistiram na quebra de sigilos bancários dos suspeitos e de outros atos investigativos foram identificados 13 casos, totalizando o valor de mais de R$ 500 mil desviados, representando 75% dos montantes arrecadados para as doações”, informa a PC.

As investigações são comandadas pelo delegado Chales Leão. 

por Henrique Brinco/ BNews

Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por categoria