Anúncio

Lavagem do Bonfim reúne mais de 60 blocos que desfilam ao longo do trajeto rumo à Colina Sagrada

A festa popular de caráter religioso contará também com a apresentação de mais de 60 entidades

A celebração da Lavagem do Bonfim, nesta quinta-feira (11), marca o início da contagem regressiva para o Carnaval de Salvador. A festa popular de caráter religioso – mas que também tem o seu lado profano – contará com a apresentação de mais de 60 entidades, incluindo grupos musicais, blocos e artistas. Responsáveis pela trilha sonora da caminhada, eles iniciam as apresentações após o cortejo das baianas, nas imediações da Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia, logo após o ato inter-religioso previsto para as 8h.

As bandas e manifestações culturais, devidamente inscritas e cadastradas na Empresa Salvador Turismo (Saltur), alegram fiéis, baianos e turistas que participam da festa, que este ano tem o tema: “Com Jesus, o amado Senhor do Bonfim, aprendemos a caminhar juntos como irmãos”. Toda programação fará menção ao jubileu de 270 anos da inauguração da Igreja do Bonfim mediante o lema “Ao teu lado sempre unidos, somos teu povo Senhor”.

Desde 2005, o grupo de percussão Orixalá Batalá, que homenageia o maior dos orixás e foi criado pelo Mestre Giba Gonçalves, participa da festa. São dezenas de percussionistas, sobretudo mulheres, que vêm de cidades como Brasília, Natal e Aracaju, mas também de outros países, para participarem do cortejo, sendo um dos primeiros a desfilar, com concentração no Terminal Marítimo do Comércio.

Um dos mentores do grupo é o cantor baiano Gerônimo Santana, que vai acompanhar o bloco. Com o repertório pautado no samba reggae, o Orixalá Batalá promete levar o ritmo genuinamente baiano para as ruas, desde o Comércio até a Colina Sagrada. “A festa reúne gente do mundo inteiro. Para nós, é uma honra participar. Não temos muitas pretensões, apenas pelo diletantismo de viver e curtir a festa”, afirmou.

Presente na festa pelo segundo ano consecutivo, o microtrio NanoBill será a 19ª atração a animar o público. A concentração será nas proximidades da Igreja dos Mares. De lá, os foliões acompanham o cantor Bila Rey, que promete um repertório diverso, com mais de 1 mil canções selecionadas. Animado, ele diz que participar da folia na Lavagem do Bonfim é um presente. “Adoramos tocar nessa festa que é tão nossa, que carrega a cara do nosso povo baiano. Vai ser massa”, aposta o artista.  

Normas – A Prefeitura de Salvador lembra que os participantes do desfile só poderão ter acesso aos locais de concentração e de partida do cortejo, entre a Avenida Contorno até a Praça Tupinambás, mediante a autorização da Saltur. O nível máximo permitido de emissão sonora no percurso é de 100 decibéis. A medição é feita à distância de cinco metros de onde se encontra a fonte emissora do som.

É proibida ainda a utilização de cordas e de carroças com tração animal. Não poderá haver alteração do carro inscrito no dia do desfile. A armação dos participantes será realizada por ordem de chegada. Depois do término do evento, os carros inscritos não poderão permanecer em nenhum lugar do circuito, ficando sujeito a reboque e multa. Assim como não pode subir a Colina Sagrada, voltando à Praça Irmã Dulce no Largo de Roma.

Programação das entidades e microtrios que participam do desfile:  

Os Malassombrado

Orixalá Batalá

Associação Cultural Bbg

Associação Bola Cheia

Bloco Afro Muzenza

Associação Afoxé Ilê Oyã

Bloco da Saudade

Malê Debalê

Bloco Proibido Proibir

Microtrio Takombin Narte

Rixô Elétrico

Afro Soweto

Vamos Nessa

Afoxé Euaê

Boca Louca

Alexandre Santos Lins

Bloco Afro Alerta Mente Negra

As Gostosas Mania de Sambar

NanoBill

Legião da Boa Vontade

Ordem dos Advogados da Bahia (OAB-BA)

Bloco Amor e Paixão com Nelson Rufino

Associação dos Oficiais Militares da Bahia

Sindicato dos Vigilantes da Bahia

Marcelo Oliveira Santos

Mariposa de Roma/Sambetão

Bloco de Reggae

Rádio Baia Dsol

Bloco Samba Terramar

Bloco de Índios Namandu Nosso Planeta

Bloco Afro Malcom X

Banda de Sopro

Sindicato Assufba

Huol Criações e Produções Artísticas

C.b.c. Kizumba

Centro Espírita Ponto das Amizades

Grupo de Forró Tradicional

Grupo Cultural Só Samba de Roda

Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário da Bahia

Oficina de Sons

Afoxé Daraju de Odé

Acema

Associação do Ministério Público da Bahia

Sindicato dos Professores Federais

Grupo Cultural Palafitas mi Bamba

Quem tem fé vai de pé de serra

Baladeiro Cbx

Bloco Afro Bogum

Centro Cultural Bombocado

Associação Cultural Omo Izo

Bicicleta Sonora

Os Imperadores

Afoxé Filhos de Gandhy

Banda Isqueminha

Bloco Dandara

Banda Fulqueirão

Fernando Cerqueira

Pescadores de Vidas

Jegue Traçado

Microtrio Amarana

Amil Produções Artísticas

Samba e Folia

Carro de Palha

Bloco Fala meu Loro

Associação Ombro Amigo

Viola Vadia

Banda Sertaneja

Fonte: Secom Salvador

Próxima postagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegue por categoria